Última hora

El-Baradei em prisão domiciliária no Cairo

El-Baradei em prisão domiciliária no Cairo
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Mohamed El-Baradei participou pacificamente nas manifestações desta sexta-feira, no Cairo. O Nobel da Paz de 2005 foi interpelado pela polícia, e, segundo as últimas informações estará em prisão domiciliária.

Dezenas de milhares de egípcios manifestaram nas ruas do Cairo, depois, do serviço religioso da sexta-feira, o mais importante para os muçulmanos.

O Cairo acabou por ser palco de inúmeros confrontos entre os manifestantes e a polícia.

A polícia usou canhões de água, granadas de gás lacrimogéneo e balas de borracha para tentar dispersar os manifestantes.

Os manifestantes incendiaram a sede do Partido Nacional Democrata, no poder.

Ao final do dia, fontes médicas, citadas pela agência noticiosa Reuters, dão conta de mais de 400 feridos, alguns com balas de borracha.

Três pessoas morreram, na capital egípcia, neste quarto dia de manifestações contra o regime de Hosni Mubarak.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.