Última hora

Resistência usa telefone fixo para contornar bloqueios

Resistência usa telefone fixo para contornar bloqueios
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Foi cortado o acesso à Internet no Egipto.

O bloqueio acontece horas antes da mega manifestação contra o regime de Mubarak.

Os serviços de internet e comunicações textuais por via telefónica usadas, até agora, pelos manifestantes deixaram de funcionar. A resistência no país procura alternativas para continuar com a vaga de contestação.

Um elemento da oposição explica que neste momento os contactos são feitos através de telefones fixos e que, por vezes, é preciso sair do Cairo. A partir daí, adianta, são organizados encontros entre grupos pequenos, que depois vão disseminar as informações.

Inspirada na revolução dos Jasmins tunisina, a onda de contestação no Egipto ganha força a cada dia que passa.

Aos protestos junta-se, hoje, uma figura de peso: o opositor egípcio Mohamed ElBaradei, ex-diretor da agência nuclear das Nações Unidas.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.