Última hora
This content is not available in your region

Resistência usa telefone fixo para contornar bloqueios

Resistência usa telefone fixo para contornar bloqueios
Tamanho do texto Aa Aa

Foi cortado o acesso à Internet no Egipto.

O bloqueio acontece horas antes da mega manifestação contra o regime de Mubarak.

Os serviços de internet e comunicações textuais por via telefónica usadas, até agora, pelos manifestantes deixaram de funcionar. A resistência no país procura alternativas para continuar com a vaga de contestação.

Um elemento da oposição explica que neste momento os contactos são feitos através de telefones fixos e que, por vezes, é preciso sair do Cairo. A partir daí, adianta, são organizados encontros entre grupos pequenos, que depois vão disseminar as informações.

Inspirada na revolução dos Jasmins tunisina, a onda de contestação no Egipto ganha força a cada dia que passa.

Aos protestos junta-se, hoje, uma figura de peso: o opositor egípcio Mohamed ElBaradei, ex-diretor da agência nuclear das Nações Unidas.