Última hora

Nissan suspende produção no Egito

Nissan suspende produção no Egito
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A produção está temporariamente suspensa numa unidade da Nissan, em Giza, perto da capital egípcia.

O construtor japonês justificou a medida com a onda de protestos que exigem a demissão do presidente Hosni Mubarak.

Os 500 funcionários ficarão sem trabalhar pelo menos até quinta-feira e a suspensão poderá ser prolongada caso se verifique um agravamento da situação no país.

A fábrica produz dez mil veículos por ano.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.