A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Confrontos

Confrontos
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A jornalista egípcia Madeha Emara relatou para a Euronews a situação em Bengasi:

“A situação é perigosa. Estamos perante um estado de exterminação. Temos informações, e as nossas fontes dizem-nos que há mercenários do Chade e da República Democrática do Congo, que matam e disparam sobre a multidão. Dizem também que helicópteros disparam sobre os manifestantes.

A cidade de Bengasi está cercada e há necessidade de medicamentos.

Em Bengasi, Al Beida e Tripoli há um grande número de mortos e feridos”.