Última hora
This content is not available in your region

Prémio Nobel suspeito de más práticas

Prémio Nobel suspeito de más práticas
Tamanho do texto Aa Aa

Mhammad Yunus, prémio Nóbel da Paz em 2006 e fundador do micro-crédito, foi obrigado a abandonar o seu banco, por decisão do governo do Bangla Desh.
  
Em meados de janeiro, Yunus compareceu perante um tribunal, para responder pela acusação de injúrias.
 
O que foi dito em julgamento provocou uma investigação às actividades do Banco Grameen. E agora surgiu a decisão de suspender o seu fundador.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.