Última hora
This content is not available in your region

NATO reforça preasença no Mediterrâneo

NATO reforça preasença no Mediterrâneo
Tamanho do texto Aa Aa

A NATO está pronta para uma intervenção na Líbia, se obtiver um mandato nesse sentido.

Foi a conclusão saída da reunião dos ministros da Defesa da Aliança Atlântica.

Para já a organização do Tratado do Atlântico Norte alargou a vigilância aérea do Mediterrâneo a 24 horas por dia. A medida entrou em vigor esta quinta-feira.

O secretário geral anunciou-a à saída da reunião:

“Foi decidido aumentar a presença da nossa frota marítima no Mediterrâneo central. Estes navios vão aumentar a nossa atenção o que é vital nestas circunstâncias. Por isso, a nossa mensagem é que a NATO está unida, vigilante e pronta para agir”.

A NATO está unida, mas não quanto à criação da zona de exclusão aérea. O ministro alemão mostrou-se mesmo bastante cético.

Com o conflito a prolongar-se tanto a NATO como a União Europeia querem estar prontos para qualquer eventualidade. A Líbia será também o tema do conselho europeu desta sexta-feira, em Bruxelas.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.