Última hora
This content is not available in your region

Níveis de radioatividade aumentam no leste da Rússia

Níveis de radioatividade aumentam no leste da Rússia
Tamanho do texto Aa Aa

O ministro dos Negócios Estrangeiros nipónico agradece a solidariedade de Moscovo para com o povo japonês.

Uma mensagem transmitida ao homólogo russo, em Paris, num encontro à margem da cimeira do G8.

Os níveis de radioatividade aumentaram ligeiramente no leste da Rússia. É o caso de Vladivostok, 800 quilómetros a noroeste na central nuclear de Fukushima.

Os militares russos garantem estar preparados para retirar os habitantes das ilhas de Sacalina e das Curilhas.

O arquipélago é administrado pela Rússia desde o fim da Segunda Guerra Mundial, mas o

Japão reclama as quatro ilhas mais a sul, que designa de “Territórios do Norte”.

Prevista está, também, a mobilização de navios da Armada do Pacífico e de aviões militares para a evacuação das ilhas.