Última hora

Tribunal suspende parceria BP-Rosneft

Tribunal suspende parceria BP-Rosneft
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O acordo milionário entre a BP e a petrolífera estatal russa Rosneft foi suspenso por um tribunal.

O acordo, que envolvia mais de 11 mil milhões de euros, fazia com que a BP passasse a deter mais de 9% do capital da Rosneft, enquanto a petrolífera russa ficaria com uma fatia de 5% na BP.

Um tribunal independente de Estocolmo concluíu que este acordo iria contra uma outra parceria da BP na Rússia. Um dos acionistas russos da filial local da BP, a BP-TNK, colocou o grupo britânico em tribunal.

O acordo entre a BP e a Rosneft destinava-se a explorar petróleo numa zona de 125.000 quilómetros quadrados no Ártico, uma área que se estima ter reservas de cinco mil milhões de toneladas de petróleo.

Assim que se soube a decisão do tribunal de Estocolmo, a BP emitiu um comunicado onde diz estar dececionada com a decisão, que nas palavras do grupo, prejudica a BP, a Rosneft e a Rússia.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.