A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Arrancaram as presidenciais antecipadas no Cazaquistão

Arrancaram as presidenciais antecipadas no Cazaquistão
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Cerca de nove milhões de eleitores são, hoje, chamados a votar no Cazaquistão para as eleições presidenciais antecipadas.

O escrutínio deverá servir para renovar o mandato do atual chefe de Estado, no poder há mais de duas décadas.

Noursoultan Nazarbaïev anunciou a realização de presidenciais antecipadas no final de janeiro, depois de rejeitar a convocatória de um referendo para prolongar o mandato até 2020, como desejava o Parlamento.

A oposição decidiu boicotar as eleições, alegando, não ter tempo para se preparar para o escrutínio.

Recorde-se que nenhuma eleição no país foi até, hoje, reconhecida como livre pela Organização para a Segurança e Cooperação na Europa.