Última hora
This content is not available in your region

Rebeldes denunciam carregamentos de armas para Kadhafi

Rebeldes denunciam carregamentos de armas para Kadhafi
Tamanho do texto Aa Aa

Apoio material. É o que promete o grupo de contacto para a Líbia para ajudar a rebelião. Mas o tipo de material está a dividir os chefes da diplomacia britânico e italiano. Um fala de meios de técnicos, o outro de armas de autodefesa.

Certas, dizem os rebeldes, são as armas que todos os dias chegam ao coronel líbio:

O porta-voz do Conselho de Transição garante que, esta terça-feira, entraram no país 500 carros oriundos da Argélia carregados de armas. Segundo Mahmoud Shammam os carregamento também se fazem por mar através da Europa de leste, por onde estão a entrar armas de fabrico russo e tanques utilizados em Misurata.

A situação humanitária agrava-se de dia para dia.

Para dar resposta às necessidades da população civil, os rebeldes estão dispostos a trocar petróleo por alimentos

O coordenador da ajuda humanitária das Nações Unidas para a Líbia apela ao contributo financeiro de todos os governos para que seja possível continuar a prestar assistência no terreno.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.