Última hora

Anuladas acusações contra agente Fedia Hamdi

Anuladas acusações contra agente Fedia Hamdi
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Foi com euforia que as pessoas presentes num tribunal na Tunísia reagiram à anulação das acusações contra uma agente municipal.

Fedia Hamdi era acusada de esbofetear um vendedor de frutas mas negou sempre tê-lo feito.

O caso contra a agente foi encerrado depois da família, daquele que é agora considerado um mártir da revolução, retirar a queixa.

A família afirma ter agido num gesto de tolerância e num esforço para curar as feridas da revolta dos últimos meses.

Em Dezembro, Mohamed Bouazizi, regou-se com gasolina e ateou fogo ao próprio corpo depois de uma querela com as autoridades locais.

Os protestos que se seguiram derrubaram o presidente da Tunísia, Ben Ali. Seguindo o exemplo tunisino, em fevereiro foi a vez da população egípcia se rebelar. A luta no país levou à deposição do ditador Hosni Mubarak.

Bouazizi transformou-se no mártir da revolução tunisina e num exemplo.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.