A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

NATO desmente ter visado Kadafi

NATO desmente ter visado Kadafi
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Nato desmente ter visado Muammar Kadafi, durante os bombardeamentos de domingo em Tripoli.

Segundo o general Charles Bouchard, comandante das operações da Aliança Atlântica na Líbia, o raide visou um centro de comunicações situado na residência do ditador – mas não o homem: “No que respeita à operação levada a cabo em Tripoli, reitero que não estou focalizado em indivíduos. Não se trata de indivíduos nem se trata de mudanças de regime. Trata-se de pôr fim à violência contra a população, de fazer face a um exército que está diretamente a atacar a população.”

O general Bouchard acusou ainda as forças de Kadafi de usarem a população civil como escudo humano e acrescentou que o líder líbio não estava no local, no momento em que a bomba caiu sobre o edifício do centro de comunicações.