Última hora

Leopard-Trek abandona o "Giro"

Leopard-Trek abandona o "Giro"
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Concluída a 4.ª etapa do Giro, iniciada com um minuto de silêncio e que foi neutralizada pela organização, a equipa Leopard-Trek anunciou a sua retirada da prova.

Os ciclistas percorreram os 216 quilómetros entre Quarto dei Mille e Livorno em marcha moderada, prestando homenagem ao malogrado Wouter Weylandt, ciclista belga, de 26 anos, da Leopard-Trek, que faleceu segunda-feira após uma violenta queda.

Na fase final, o pelotão foi encabeçado pela equipa Leopard, que cortou a meta em primeiro lugar.

Durante a terceira etapa, o ciclista belga deu uma queda violenta na descida do Passo del Bocco, quando seguia a mais de 70 quilómetros por hora.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.