Última hora
This content is not available in your region

UE aprova sanções contra presidente sírio

UE aprova sanções contra presidente sírio
Tamanho do texto Aa Aa

Os ministros dos Negócios Estrangeiros da União Europeia decidiram hoje proibir a emissão de vistos e congelar os bens do presidente da Síria, Bachar al-Assad.

A decisão aumenta a lista de personalidades do regime sírio que são alvo de sanções desde 10 de maio, mas que não incluía al-Assad.

“É extremamente importante que, antes de tudo, a Síria abdique da violência, que o governo entenda que o povo através de manifestações pacíficas

está a pedir reformas que o próprio governo disse estar interessado em fazer. Agora devem empenhar-se nisso e fazê-las”, disse Catherine Ashton, a chefe da diplomacia europeia.

O movimento de contestação ao regime sírio, iniciado a 15 de março, tem sido violentamente reprimido pelas forças de segurança.

Segundo as Nações Unidas e ONG’s sírias, a repressão fez até agora mais de 900 mortos.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.