Última hora

Mladic pode ser transferido para o TPI

Mladic pode ser transferido para o TPI
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Uma juíza sérvia decidiu que Ratko Mladic pode ser transferido para a Haia para responder às acusações de genocídio.

O ex-chefe militar dos sérvios da Bósnia foi capturado na quinta-feira depois de 16 anos em fuga.

Mladic está, segundo a juíza, “fisicamente apto” para ser julgado no Tribunal Penal Internacional para a ex-Jugoslávia.

O advogado do antigo general, agora com 69 anos, afirmou que pretende apelar da decisão, na segunda-feira.

O filho de Mladic defende que não estão “centrados no julgamento, mas no estado de saúde” do pai e pretendem que “peritos independentes verifiquem a sua condição física”.

Darko Mladic tinha antes afirmado que o estado de saúde do pai não permitia a sua extradição e que o ex-general se considera “não culpado” das acusações de genocídio relacionadas com o cerco de Sarajevo e o massacre de Srebrenica em 1995.

A decisão final sobre a transferência para Haia pode tardar ainda dez dias.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.