A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Parlamento leva Ahmadinejad à justiça

Parlamento leva Ahmadinejad à justiça
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A pressão política sobre o presidente o Irão está a aumentar. O Parlamento iraniano considerou por esmagadora maioria que Mahmoud Ahmadinejad violou a constituição do país ao assumir a pasta do Petróleo e decidiu remeter o caso para a justiça.

Ahmadinejad irritou o Conselho dos Guardiões – órgão fiscalizador da constituição – ao demitir o ministro do Petróleo, Masoud Mirkazemi, e declarar-se responsável pela pasta.

O presidente tem o poder de nomear ou demitir ministros mas o conselho dos guardiões considerou ilegal o facto de assumir a pasta o petróleo.

A decisão é o mais recente episódio de pressão política sobre o presidente, depois de Ahmadinejad ter entrado em rota de colisão com o líder supremo, o Aiatola Ali Khamenei, sobre a destituição do ministro dos Serviços Secretos.