A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Grécia começa a sofrer de apagões

Grécia começa a sofrer de apagões
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Os gregos começam a sentir as consequências da greve dos trabalhadores da empresa de distribuição de eletricidade.
 
Os apagões têm-se repetido devido aos protestos contra o projeto de privatização previsto pelos planos de austeridade do governo.
 
“Nós os trabalhadores queremos que a empresa seja mantida nas mãos do Estado, pelo menos 51% porque vai permitir a aplicação de tarifas acessíveis para o povo grego”.
 
“Eles querem apenas favorecer o sistema financeiro e servem-se dos trabalhadores para fazerem dinheiro, tão simples quanto isso”. 
 
A empresa de eletricidade tem sido obrigada a cortar o fornecimento em diferentes ocasiões durante os protestos e apela agora a uma redução do consumo.
 
Em período de verão os gregos terão de prescindir do ar condicionado, outro sacrifício imposto trazido pela crise financeira.