Última hora
This content is not available in your region

China liberta artista dissidente Ai Weiwei

China liberta artista dissidente Ai Weiwei
Tamanho do texto Aa Aa

Pequim decidiu libertar sob fiança o artista e dissidente chinês Ai Weiwei. A agência oficial Xinhua explica a notícia inesperada pela “doença crónica” que sofre o artista e a sua “boa vontade”, ao “confessar os delitos” de evasão fiscal pelos que foi detido a 3 de Abril, quando tentava apanhar um avião para sair da China.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.