Última hora
This content is not available in your region

TSL emite mandados de detenção contra elementos do Hezbollah

TSL emite mandados de detenção contra elementos do Hezbollah
Tamanho do texto Aa Aa

O Tribunal Especial para o Líbano emitiu mandados de detenção contra quatros elementos do Hezbollah, suspeitos de estarem envolvidos na morte do antigo primeiro-ministro, Rafic Hariri.

A ata da acusação foi entregue, esta quinta-feira, em Beirute por uma delegação do tribunal da ONU.

O líder da oposição parlamentar e filho do antigo chefe de governo libanês fala de “um momento histórico.”

O movimento xiita domina o novo governo. Saad Hariri pede ao executivo liderado Najib Mikati que respeite as resoluções internacionais.

A resposta não tardou. O primeiro-ministro promete assumir as responsabilidades, mas lembra que as decisões não são julgamentos e que as acusações precisam de provas.

O Tribunal Especial para o Líbano foi criado em 2007 para julgar os presumíveis autores do atentado que, em 2005, provocou a morte de Rafic Hariri e de mais 22 pessoas em Beirute.