Última hora
This content is not available in your region

Washington acredita que Atenas vai superar dificuldades

Washington acredita que Atenas vai superar dificuldades
Tamanho do texto Aa Aa

Os Estados Unidos estão confiantes que a Grécia vai ultrapassar a crise com sucesso.

A mensagem foi transmitida pela secretária de Estado norte-americana de visita a Atenas, a poucos dias da cimeira extraordinária dos líderes da zona euro onde vão ser discutidos os moldes do novo plano de ajuda à economia helénica.

Em conferência de imprensa, Hillary Clinton não poupou elogios à forma como o governo de Papandreou está a lidar com crise. A secretária de Estado norte-americana acredita que o caminho seguido pela Grécia vai fazer crescer a economia do país e, nesse sentido, garante apoio total por parte dos Estados Unidos.

O ministro das Finanças belga estima que os credores privados da Grécia poderão contribuir com 30 mil milhões de euros no segundo resgate ao país, que esta quinta-feira vai estar cima da mesa em Bruxelas.

O presidente do Banco Central Europeu tranquiliza os investidores que receiam vir a perder dinheiro ao comprarem dívida de países da zona euro.

Jean-Claude Trichet garante que “não há lugar para o incumprimento.”

O envolvimento do setor privado era uma das condições impostas pela Alemanha.

A confirmarem-se, aos 30 mil milhões de euros dos privados somam-se os 80 mil milhões da União Europeia e do Fundo Monetário Internacional.