Última hora

Última hora

Promessas dos G20 não convencem mercados europeus

Em leitura:

Promessas dos G20 não convencem mercados europeus

Promessas dos G20 não convencem mercados europeus
Tamanho do texto Aa Aa

As bolsas europeias mergulham uma vez mais no vermelho, depois do “mini-crash” desta quinta-feira.

As sessões até arrancaram em terreno positivo, animadas pelas promessas dos G20 em combater a crise, mas acabaram por inverter a tendência.

O arrefecimento da economia mundial e o agravamento da crise europeia estão a pressionar os mercados.

“É uma crise da dívida, uma crise financeira e dos bancos, por isso no futuro é preciso batalhar contra esta dívida astronómica na União Europeia, mas estes problemas levarão muito tempo a resolver”, diz Gabriele Widmann, do Deka Bank.

A conjuntura europeia continua a deixar os investidores nervosos. Frankfurt liderava as perdas acima dos 3%, acompanhado por Paris, com uma quebra a superar os 2%. Madrid e a praça nacional recuavam mais de 1,5%.

Fora dos mercados acionistas, o barril de ‘brent’, a principal referência para as importações portuguesas, desvalorizava mais de 1%, cotando nos 104 dólares.

O euro registava uma apreciação ligeira face à moeda verde, cotando nos 1,35 dólares.