Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Guerrilha islâmica promete mais explosões

Guerrilha islâmica promete mais explosões
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O grupo militante somali que reivindicou o sangrento atentado em Mogadíscio na terça-feira ameaça cometer mais ataques.

O atentado provocou mais de 70 mortos, entre soldados e civis, a maioria estudantes. Um representante da guerrilha islâmica al-Shabaab – que tem ligações à al-Qaida – alertou os civis para a eminência de novos atentados.

“Somalis, avisamos para se mantenham longe dos edifícios governamentais, bases e dos soldados pois novas grandes explosões estão para acontecer”, referiu Sheikh Ali Mohamud Rage.

O ataque suicida com uma camião cisterna atestado de combustível suscitou reações de condenação dos estados e unidos e também da ONU. Foi o ataque mais violento dos guerrilheiros da Al-Shabaab e o primeiro desde que se retiraram dos combates na capital, em Agosto.