A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Guerrilha islâmica promete mais explosões

Guerrilha islâmica promete mais explosões
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O grupo militante somali que reivindicou o sangrento atentado em Mogadíscio na terça-feira ameaça cometer mais ataques.

O atentado provocou mais de 70 mortos, entre soldados e civis, a maioria estudantes. Um representante da guerrilha islâmica al-Shabaab – que tem ligações à al-Qaida – alertou os civis para a eminência de novos atentados.

“Somalis, avisamos para se mantenham longe dos edifícios governamentais, bases e dos soldados pois novas grandes explosões estão para acontecer”, referiu Sheikh Ali Mohamud Rage.

O ataque suicida com uma camião cisterna atestado de combustível suscitou reações de condenação dos estados e unidos e também da ONU. Foi o ataque mais violento dos guerrilheiros da Al-Shabaab e o primeiro desde que se retiraram dos combates na capital, em Agosto.