Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Abbas saúda esforços franceses para a libertação de Gilad Shalid

Abbas saúda esforços franceses para a libertação de Gilad Shalid
Tamanho do texto Aa Aa

No início de uma visita de dois dias a Paris, o presidente da Autoridade Palestiniana saudou os esforços da França no processo que vai levar à libertação do soldado franco israelita, Gilad Shalit.

À saída de um encontro com o presidente francês, Nicolas Sarkozy, Mahmoud Abbas considerou que o acordo para a troca de prisioneiros, alcançado esta semana entre Israel e o Hamas, é um bom avanço, manifestando o desejo que todos os palestinianos possam gozar de liberdade.

Abbas elogiou também os “esforços consideráveis” da França para a libertação de Shalit e espera agora que o mesmo seja feito em relação ao franco palestiniano Salah Hamouri.

Israel e o Hamas anunciaram esta semana um acordo que prevê a troca de Shalit – detido há mais de 5 anos pelo Hamas – por 1027 prisioneiros palestinianos.

Segundo o acordo, Shalit e um contingente de 450 prisioneiros palestinianos serão libertados na terça-feira, os restantes serão colocados em liberdade ao longo dos próximos dois meses.

Fora do acordo ficou Ahmed Saadat, líder da Frente Popular de Libertação da Palestina, e há alguma contestação entre os palestinianos porque parte dos prisioneiros a libertar serão forçados ao exílio.