A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Cimeira do gás em Doha termina com promessa de preços mais justos

Cimeira do gás em Doha termina com promessa de preços mais justos
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A primeira cimeira do Forúm de Países Exportadores de Gás terminou com a promessa de preços mais “equitativos”.

Os 12 países que compõe o organismo – e que controlam cerca de 70 por cento das reservas mundiais – estiveram reunidos em Doha, no Qatar.

Na declaração final, o Forúm sublinha “a necessidade de chegar a um preço justo para o gás natural, baseado numa indexação aos preços do petróleo”.

A correspondente da euronews, Maha Barada, diz que a cimeira “não deu indicações sobre como a produção e os preços do gás natural serão controlados. O ponto de destaque foi o esforço para acalmar os países consumidores. Mas, apesar das nações exportadoras se terem juntado para promover o mercado, ainda é demasiado cedo para dizer se constituirão um cartel semelhante à Organização de Países Exportadores de Petróleo”.