Última hora

Última hora

Geithner confia nos europeus para conter crise da dívida

Em leitura:

Geithner confia nos europeus para conter crise da dívida

Geithner confia nos europeus para conter crise da dívida
Tamanho do texto Aa Aa

Face ao desacordo europeu, os Estados Unidos aumentam a pressão na véspera de uma cimeira crucial em Bruxelas. De visita a Paris, o secretário americano do Tesouro, Timothy Geithner, diz-se confiante de que será encontrada uma solução para conter a crise.

Com as divergências ao rubro, o ministro francês da Economia, garante que Nicolas Sarkozy está decidido a arrancar um acordo forte e acrescenta:

“Temos as mesmas preocupações. Fazer o possível para acabar com a crise financeira e encontrar as modalidades para multiplicar os nossos esforços conjuntos para que haja uma retoma da economia, um apoio ao investimento e à criação de empregos”.

Mas o otimismo expresso em Paris contrasta com o pessimismo crescente de Berlim.

Fonte do governo Merkel acusa vários parceiros europeus de não compreenderem a gravidade da situação. A Alemanha teima no reforço da disciplina orçamental e opõe-se à intervenção do BCE e ao uso conjunto do fundo de resgate e do Mecanismo Europeu de Estabilidade.

Os europeus preparam-se então para discussões difíceis na cimeira de sexta-feira.