Última hora
This content is not available in your region

Grécia espera concluir acordo até ao final da semana

Grécia espera concluir acordo até ao final da semana
Tamanho do texto Aa Aa

É o contra-relógio grego. Atenas espera terminar, até ao final da semana, as negociações que lhe permitam receber o dinheiro para evitar a bancarrota.

O ministro grego das Finanças, Evangelos Venizelos, prossegue ainda as negociações com os credores privados para o perdão de metade da dívida e com a troika, que exige mais medidas de austeridade para desbloquear o segundo plano de resgate.

Com o prolongar da questão grega, o analista Dominic Johnson afirma que “mais ou menos todos os meses há um novo tratado, outro anúncio, um outro perdão de dívida. Os mercados reanimam e dizem “ufa…mais uma que acaba, vamos concentrarmo-nos em algo mais positivo”. E alguns dias, semanas ou meses depois o problema ressurge porque as bases não existem”.

Com os credores privados forçados a aceitar perdas que podem ir até os 70 por cento, a crise grega trouxe o Banco Central Europeu (BCE) para o debate. É a única instituição europeia com títulos da dívida helénica e há uma pressão crescente para que aceite também perdas. Mas no seio do BCE as opiniões divergem, com muitos a evocarem a proibição de ajuda direta aos Estados, como está fixado nos estatutos.