A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Síria: Funeral coletivo das vítimas de Homs

Síria: Funeral coletivo das vítimas de Homs
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de pessoas participaram este sábado no funeral coletivo das vítimas do bombardeamento com morteiros que atingiu a cidade de Homs na noite anterior.

Segundo a oposição pelo menos 260 pessoas terão morrido entre sexta-feira e sábado numa ação atribuída à polícia síria.

Testemunhas afirmam que forças governamentais dispararam morteiros a partir de três pontos distintos: a sede dos serviços secretos naquela cidade, o bairro Karam Chemchem habitado maioritariamente por alauitas e de um posto de controlo situado nas imediações da cidade.

Por seu lado o regime sírio afirmou que a morte de civis em Homs foi perpetrada por homens armados.