Última hora

Marroquino suspeito de terrorismo detido em Washington

Marroquino suspeito de terrorismo detido em Washington
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Um cidadão marroquino foi detido em Washington, por se suspeitar que preparava um atentado suicida, contra o capitólio.

Estava na posse de uma arma automática e de uma quantidade de explosivos inertes que lhe tinham sido entregues por agentes do FBI que se fizeram passar por islamitas.

Foi identificado como Amine el Khalifi, de 29 anos, que entrou nos Estados Unidos com um visto turístico, já caducado, há bastante tempo.

Richard Clark antigo sub-secretário de Segurança diz que todo o cuidado é pouco, apesar da pouca atividade da Al Qaeda:

“Mesmo se a Al-Qaida, no Paquistão e no Afeganistão, está desmembrada, há ainda um grupo de pessoas nos Estados Unidos que espontâneamente pode desencadear atos terroristas, sem qualquer conexão real com as comunicações da Al-Qaida”.

Se Amine el Khalifi for considerado culpado, arrisca uma pena de prisão perpétua.

O Ministério da Justiça norte-americano já confirmou que a arma e os explosivos detidosna casa de Khalifi não representavam qualquer perigo, para a segurança nacional.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.