Última hora

Espanha: Garzón absolvido

Espanha: Garzón absolvido
Tamanho do texto Aa Aa

O Supremo Tribunal espanhol absolveu hoje o juiz Baltasar Garzón, acusado de delito de prevaricação, por se declarar competente para investigar os crimes do franquismo.

Baltasar Garzón respondeu a uma acusação das organizações de extrema-direita “Liberdade e Dignidade” e “Manos Limpias” por considerarem que o magistrado prevaricou quando pretendeu investigar os desaparecidos da Guerra Civil e do franquismo.

Garzón era acusado de ter ignorado uma lei de amnistia geral aprovada pelo parlamento espanhol em 1977.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.