A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

TomTom prevê ano difícil

TomTom prevê ano difícil
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

As ações da TomTom estavam em forte queda face às fracas perspetivas anunciadas pela empresa. O maior construtor europeu de aparelhos de navegação móvel prevê que as vendas caíam este ano para 1,1 mil milhões de euros.

A empresa terminou 2011 com uma queda acentuada dos lucros e das receitas e antecipa uma queda da procura privada que não será ainda compensada pelos novos contratos assinados com a indústria automóvel e de telecomunicações.