Última hora

Massacre de Kandahar "acidente inexplicável", diz Clinton

Massacre de  Kandahar "acidente inexplicável", diz Clinton
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

“Um incidente inexplicável”, foram as palavras da secretária de Estado norte-americana em reacção ao massacre de Kandahar por um soldado americano.
 
Hilary Clinton considera que este incidente levanta muitas questões que exigem uma resposta.
  
O incidente ocorreu domingo no distrito de Panjwai, onde, o soldado saiu da base militar de madrugada e iniciou uma incursão armada pelas casas dos arredores disparando contra os seus moradores.
 
 
Os talibãs, que no domingo avaliaram em 45 o número de vítimas fatais e mantiveram que o massacre foi perpetrado por vários soldados. 
  
Nos Estado unidos invoca-se a insanidade do soldado
 
“Não acredito alguém que sai para matar 16 ou 18 civis e criança possa dizer que está ok em alguma parte do mundo, muito menos quando representa a bandeira americana”.
 
 
O soldado em causa saiu da base de Lweis Mc-Chord em Lakewood, uma das maiores dos Estados Unidos com um largo passado de controvérsia devido à violência.
 
Só o ano passaso registaram-se aqui 12 suicidios, a maior parte deles de soldados vindos da guerra. 
 
Este antigo militar, convertido em homem de negocios diz que esta situação passada no Afeganistão “não è supresa”. 
 
 

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.