A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

A repórter de guerra, Marie Colvin foi a enterrar

A repórter de guerra, Marie Colvin foi a enterrar
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Centenas de pessoas assistiram ao funeral da jornalista americana Marie Colvin, morta na Síria no dia 22 de fevereiro.

A cerimónia decorreu na pequena cidade de Oyster Bay, na ilha de Long Island, próximo a Nova York.

Pesentes estiveram familiares e admiradores anônimos, que prestaram a última homenagem à repórter de guerra de 56 anos.