Última hora
This content is not available in your region

Timor elege novo presidente

Timor elege novo presidente
Tamanho do texto Aa Aa

Já fecharam as urnas na primeira volta das presidenciais de Timor-Leste.

Este ano, o presidente Ramos-Horta, que se candidata a um segundo mandato, tem a tarefa dificultada, já que perdeu o apoio do Conselho Nacional de Resistência Timorense (CNRT) do primeiro-ministro Xanana Gusmão.

O CNRT decidiu apoiar o líder militar Taur Matan Ruak. O candidato da Fretilin e antigo presidente do Parlamento, Francisco Lu-Olo Guterres, é também um forte candidato e pode obrigar a uma segunda volta.

Estas eleições estão a decorrer de forma pacífica, ao contrário das legislativas de 2007, que foram marcadas pela violência.

Timor-Leste é o país mais jovem da Ásia, é independente desde 2002, depois de mais de duas décadas de ocupação indonésia marcada por episódios sangrentos.

As eleições tiveram uma forte taxa de participação. Estima-se que tenham votado 600.000 dos cerca de 1,1 milhões de cidadãos do país.

Os resultados só vão ser conhecidos dentro de alguns dias.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.