Última hora

Damasco palco dos piores confrontos dos últimos 12 meses

Damasco palco dos piores confrontos dos últimos 12 meses
Tamanho do texto Aa Aa

Os confrontos, desta segunda-feira, em Damasco entre desertores do exército e forças fiéis a Bashar al-Assad já foram considerados os mais violentos desde o início da revolta popular na Síria.

Pelo menos é o que garante o Observatório Sírio para os Direitos Humanos.

O bairro de Al-Mezze, onde se concentram várias embaixadas e a sede dos serviços secretos foi um dos mais fustigados. De acordo com as últimas informações pelo menos três pessoas morreram e 20 ficaram feridas.

Mas os combates prosseguem em outras regiões da Síria. As forças de Bashar al-Assad lançaram novas novas ofensivas no leste e centro do país.

Um vídeo amador terá sido captado na cidade de Homs.

Moscovo comprometeu-se entretanto, a pressionar o presidente sírio para facilitar a entrada de ajuda humanitária em várias cidades do país.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.