Última hora

Greenpeace denuncia poluição causada por Costa Concordia

Greenpeace denuncia poluição causada por Costa Concordia
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

As operações para retirar o combustível dos tanques do paquete Costa Concordia terminaram hoje, dois meses após o naufrágio da embarcação.

A companhia de cruzeiros Costa descarta qualquer contaminação das águas, mas a organização ecologista Greenpeace afirma ter encontrado vestígios de petróleo nas águas do mar e mesmo na água potável proveniente de uma central de dessalinização.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.