Última hora

Ossétia do Sul: Antigo chefe do KGB foi eleito presidente

Ossétia do Sul: Antigo chefe do KGB foi eleito presidente
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A região independentista da Ossétia do Sul elegeu um antigo chefe do KGB como presidente.

Leonid Tibilov, que competia com David Sanakoyev, um militante dos direitos humanos da região, alcançou 54% dos votos.

Obviamente que para a Geórgia, que reclama a Ossétia do Sul como parte do seu território, a eleição não é legítima.

O voto prova a ligação desta república a Moscovo. A Rússia reconheceu-lhe a independência após a guerra com a Geórgia, em 2008, mas o território continua profundamente dependente da ajuda financeira do Kremlin.

Moscovo contribuiu com cerca de mil milhões euros desde a guerra, mas as populações não têm visto a cor do dinheiro.

Tibilov reconhece que tem havido muita corrupção e promete combatê-la.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.