Última hora
This content is not available in your region

Ativistas da oposição detidos em Moscovo

Ativistas da oposição detidos em Moscovo
Tamanho do texto Aa Aa

Horas antes, dezenas de ativistas da oposição tentavam chegar à câmara baixa do Parlamento.

Uma concentração para protestar contra o regresso de Vladimir Putin ao Kremlin – a 07 de maio – para cumprir um terceiro mandato.

Os manifestantes não reconhecem o resultados das presidenciais de março.

“Não consideramos as eleições presidenciais legítimas e gostaríamos de colocar uma questão a Putin: quando é que a Rússia vai ter eleições e autoridades legítimas” afirma o líder da Frente de Esquerda.

Uma mulher refere:“Vim aqui hoje para demonstrar o meu descontentamento com as ações ilícitas de Vladimir Putin, que está a tornar a Rússia numa prisão. Porque neste país não se poder dizer nada, nem ter opinião.”

A manifestação não estava autorizada e vários ativistas acabaram por ser detidos, entre eles o líder da Frente de Esquerda.

As ações de protesto contra o poder político russo começaram depois das legislativas no final de 2011, mas têm vindo a perder força nos últimos meses.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.