Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Sudão e Sudão do sul lutam pela zona petrolífera de Heglig

Sudão e Sudão do sul lutam pela zona petrolífera de Heglig
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O Sudão do Sul anuncia  a retirada  das suas forças da zona de Heglig região petrolífera sob soberania sudanesa, ocupada há dez dias.
 
 
Cartum classificou de ‘ocupação’ a invasão e festeja nas ruas a decisão do sul.
 
O presidente  sudanês, Omar  El Bashir riposta que “a zona petrolífera não está autorizada a exportar o que vem do seu território se não for aceite a fórmula metade metade aplicada antes da sucessão”.
 
A disputa por Heglig, que possui uma das maiores reservas de petróleo do Sudão, ganhou força na semana passada, quando o Exército do Sudão do Sul passou a controlar a região.  
 
Para o Sudão do Sul, tanto Heglig quanto outras zonas fronteiriças são parte de seu território, pelo que recusa renunciar a esses  locais ao momento da demarcação de suas fronteiras com o Sudão.  
 
O processo  ainda está curso, as negociações foram rompidas por causa da escalada da violencia.