Última hora

Dissidente chinês fica na China 

Dissidente chinês fica na China 
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Invisual, o dissidente chinês que passou os últimos seis dias refugiado na embaixada norte-americana em Pequim, vai ficar na China, mas diz que a sua familia recebeu ameaças.
 
Chen Guangcheng foi esta quarta-feira escoltado pelo embaixador norte americano até ” um estabelecimento médico” onde se reuniu com a família”.
   
Chen Guangcheng foi colocado em prisão domiciliária em 2010, após quatro anos passados na prisão pelos crimes de danos contra propriedades e interrupção do trânsito.
 
O activista fazia campanha contra as práticas de abortos forçados e esterilizações na cidade de Linyi, na província de Shandong.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.