A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Rajoy apela a Bruxelas que defenda sustentabilidade

Rajoy apela a Bruxelas que defenda sustentabilidade
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro-ministro de Espanha lançou um apelo à
à União Europeia que envie uma mensagem “clara e contundente” em defesa do euro e da sustentabilidade das dívidas públicas dos países da moeda única.

Mariano Rajoy, à saída do Congresso de deputados reconheceu que “a situação em Espanha é muito complicada e que é muito difícil financiar-se a preços razoáveis. E mesmo o sistema financeiro está a ter muitas dificuldades para pagar as dívidas e também não está a conceder créditos.”

E os mercados assim o confirmaram:
no início do dia os juros da dívida pública estavam a negociar a 6,508 por cento no prazo a dez anos, risco da dívida espanhola ultrapassou os 500 pontos base e o Ibex35 esteve cair para níveis de 2003.
E Espanha não é caso único.
Os juros da dívida soberana em Portugal, Grécia, Itália, Irlanda e até França também estão a ser pressionados em praticamente todos os prazos.