Última hora
This content is not available in your region

Dia de luto em Itália pelas vítimas dos terramotos

Dia de luto em Itália pelas vítimas dos terramotos
Tamanho do texto Aa Aa

A Itália cumpriu, esta segunda-feira, que atingiu a região de Emilia Romagna. Vinte e quatro pessoas morreram e 350 ficaram feridas.

A terra voltou a tremer no domingo, em mais um abalo que ultrapassou o nível cinco na escala de Richter. O último sismo não provocou danos pessoais, mas sim a derrocada de edifícios já afetados pelos terramotos anteriores. Entre eles, a Torre do Relógio de Novi di Modena.

O presidente da região italiana recusa-se a baixar os braços, Vasco Errani: “Não nos vamos render a este sismo. A situação é muito complicada e difícil. As pessoas estão a ter graves problemas, mas estamos a fazer um esforço para ajudá-los como podemos e, ao mesmo tempo, continuar a trabalhar na reconstrução que temos pela frente”.

Responsáveis da Comissão Europeia visitaram a zona afetada pelos terramotos. Estima-se que os danos materiais na região de Emilia Romagna atinjam os cinco milhões de euros.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.