Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Euro 2012: Erro no jogo Inglaterra-Ucrânia reacende polémica entre FIFA e UEFA

Euro 2012: Erro no jogo Inglaterra-Ucrânia reacende polémica entre FIFA e UEFA
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Inglaterra venceu a Ucrânia por 1-0 e qualificou-se para os quartos-de-final do Campeonato Europeu de Futebol. Mas a seleção anfitriã marcou um golo que não foi validado pelo árbitro
húngaro Viktor Kassai, apesar de a bola ter ultrapassado a linha de golo.

Esta quarta-feira, o coordenador de arbitragem da UEFA, Pierluigi Collina, admitiu, que o árbitro do jogo entre a Ucrânia e a Inglaterra, “errou” ao não validar o golo aos ucranianos.

“Estamos a falar de alguns centímetros, apenas alguns centímetros. Mas, de toda forma, a bola passou a linha. Foi, infelizmente, um erro humano feito por um ser humano. Mas é claro que seria melhor se não tivesse existido.”

O erro relança a polémica entre o sistema do quinto árbitro, colocado em prática no Euro 2012 e defendido pela UEFA, de Michel Platini, e a tecnologia de linha de golo, defendida pela FIFA, de Joseph Blatter.

A FIFA, através do International Board, organismo que dita as leis do futebol, reúne a 5 de julho, para decidir qual das hipóteses vai escolher para evitar erros sobre a validade um golo.