Última hora
This content is not available in your region

Muçulmanos começam a celebrar Ramadão

Muçulmanos começam a celebrar Ramadão
Tamanho do texto Aa Aa

As orações de sexta-feira marcaram, para os muçulmanos da maioria dos países árabes do Médio Oriente, o início do Ramadão.

Um dos cinco pilares da fé islâmica, o mês sagrado é marcado pelo respeito do jejum e da abstinência, do amanhecer ao anoitecer.

Nono mês do calendário islâmico, o Ramadão assinala o momento em que o profeta Maomé recebeu a revelação do Corão.

A Arábia Saudita decidiu impor este ano regras mais estritas e avisou que os residentes estrangeiros não-crentes que comam, bebam ou fumem em público durante o dia serão expulsos do país.

Apesar de um calor particularmente intenso, as mesquitas da capital afegã, Cabul, registaram esta sexta-feira uma afluência bastante elevada.

Ao contrário do Médio Oriente, a maioria dos muçulmanos dos países asiáticos só celebra o Ramadão a partir de sábado.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.