A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Síria: funerais em Damasco de altos responsáveis mortos em atentado

Síria: funerais em Damasco de altos responsáveis mortos em atentado
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Os três altos responsáveis sírios mortos no atentado de quarta-feira contra a sede da Segurança Nacional em Damasco foram hoje a enterrar.

Longe dos combates na capital, os próximos do regime e familiares despediram-se de Assef Chawkat, cunhado do presidente Bashar al-Assad, do general Hassan Turkmani e do ministro da Defesa Daud Radjha.

O corpo de Radjha, de confissão cristã, foi depois transferido para uma igreja de Damasco para as orações ecuménicas, antes de ser enterrado.

Segundo a televisão Al Manar, o irmão de Bashar al-Assad, Maher, que comanda a quarta divisão do Exército sírio, assistiu à homenagem prestada aos três homens junto a um monumento militar da capital.

O governo anunciou que o chefe dos serviços secretos sírios, Hisham Bekhtyar, gravemente ferido no atentado que matou Chawkat, Turkmani e Radjha, sucumbiu esta sexta-feira.