Última hora
This content is not available in your region

Chuva de estrelas na gala do judo

Chuva de estrelas na gala do judo
Tamanho do texto Aa Aa

Os Jogos Olímpicos são o maior ponto de encontro mundial do judo. A Federação Internacional de Judo homenageou, em Londres, algumas das maiores estrelas da atualidade.

Kayla Harrison ganhou a primeira medalha olímpica americana de sempre, nesta modalidade: “Não tenho palavras para descrever. Sonhamos com isto, pensamos nisto, treinamos, trabalhamos, transpiramos e no momento em que o sonho se torna realidade apercebemo-nos que valeu a pena”.

A antiga estrela da seleção alemã de futebol,
Lothar Matthäus, marcou presença na festa e aceitou o desafio de falar das diferenças entre o futebol e o judo: “A maior diferença é a disciplina dos lutadores. Não há discussões com o árbitro. Isso não é permitido e ainda bem. No futebol vemos isso todos os dias ou todas as semanas, os jogadores a discutirem com o árbitro ou uns com os outros. Para mim, o que mais distingue o judo do futebol é o respeito entre os judocas e entre os judocas e os árbitros”, disse o antigo internacional.

Homenageada foi também a equipa da Rússia, grande vencedora no judo, ao sair de Londres com três medalhas de ouro.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.