A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Manifestações de apoio às Pussy Riot em várias cidades europeias

Manifestações de apoio às Pussy Riot em várias cidades europeias
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A condenação das três jovens do coletivo punk Pussy Riot suscitou uma onda de indignação generalizada nas redes sociais e em algumas cidades europeias muitos foram os que saíram às ruas para contestar a justiça russa. Em Berlim algumas dezenas de apoiantes concentraram-se diante da embaixada da Rússia.

Em Bruxelas a manifestação desenrolou-se em frente à delegação russa na União Europeia. O diretor da secção belga da Amnistia Internacional, Philippe Hensmans, juntou-se ao protesto: “Trata-se de algo contrário às normas internacionais no que respeita à liberdade de imprensa. É um mau sinal para a Rússia. É um mau sinal para o futuro do país.”

Helsínquia, Kiev, Praga, Varsóvia e Viena foram apenas algumas das cidades onde o repúdio internacional também se manifestou. O protesto atravessou o Atlântico, aterrando igualmente em Nova Iorque.