Última hora
This content is not available in your region

Egito: Opositores e apoiantes de Morsi envolvem-se em confrontos

Egito: Opositores e apoiantes de Morsi envolvem-se em confrontos
Tamanho do texto Aa Aa

No Egito, uma manifestação contra o Presidente Mohamed Morsi e contra a Irmandade Muçulmana acabou em confrontos com islamitas e com a polícia. Várias pessoas ficaram feridas na cidade do Cairo. Os manifestantes reuniram-se na Praça Tahrir, e seguiram depois avançaram para o palácio presidencial.
Um participantes do protesto explica “aIrmandade Muçulmana não devia estar acima da lei do Egito.Eles têm que seguir as regras dos partidos políticos, da sociedade cívil e das associações, têm que pagar impostos. Não podem estar acima da lei.”

Entretanto, durante a marcha pelas ruas, apoiantes da Irmandade contestaram o protesto:pedem tempo para que o presidente consiga implementar o programa político.
Mas os ânimos exaltaram e começaram os confrontos. Nessa altura foram usadas pedras e paus e foram feitos vários disparos.

Em Alexandria também houve protestos erepetiram-se as cenas de violência. As ruas tornaram-se num verdadeiro campo de batalha.
Para já não há dados oficiais sobre feridos ou detenções.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.