A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Paquistão: Jovem ativista é alvo dos talibãs

Paquistão: Jovem ativista é alvo dos talibãs
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Uma jovem paquistanesa de 14 anos foi atacada a tiro por um talibã, em Swat Valley a noroeste de Islamabad.

O ataque ocorreu no autocarro escolar. O homem entrou no veículo à procura de Malala Yusufzai e disparou sobre ela. O estado da jovem é considerado muito grave.

Este chefe da polícia local, conta:
“Um desconhecido armado aproximou-se do autocarro escolar e perguntou quem era Malala. Os alunos disseram-lhe onde estava a jovem e, sem dizer nada, disparou e atingiu-a na cabeça”.

Malala Yusufzai tornou-se famosa por declarações contra os talibãs paquistaneses, em 2009, quando o governo do Paquistão concedeu aos islamitas radicais o controlo sobre a região do Vale de Swat, uma zona turística de montanhas e lagos.

A jovem denunciava na altura o medo das crianças de que a escola fosse atacada pelos talibãs e os conselhos de comportamento que recebiam para não despertar a fúria dos islamitas radicais.