Última hora

Última hora

Síria acusa Turquia de "pirataria" após desvio de avião para Ancara

Síria acusa Turquia de "pirataria" após desvio de avião para Ancara
Tamanho do texto Aa Aa

A Síria acusa a Turquia de “pirataria”, depois das autoridades turcas terem intercetado ontem um avião de passageiros com destino a Damasco.

Fontes diplomáticas russas asseguram, por seu lado, que o aparelho, proveniente de Moscovo, não transportava qualquer armamento ou munições.

Moscovo exigiu hoje explicações a Ancara sobre as razões que levaram as autoridades a forçar a aterragem do aparelho e porque é que os 37 passageiros, retidos durante 5 horas, não foram autorizados a receber uma delegação diplomática russa.

As autoridades turcas afirmam, num comunicado, terem apreendido 12 caixas com equipamento de comunicações militares, defendendo a atuação à luz do embargo internacional à venda de armas à Síria.

O aparelho que efetuava a ligação Moscovo-Damasco, tinha sido intercetado na quarta-feira quando sobrevoava o espaço aéreo turco e horas depois de Vladimir Putin ter adiado a visita a Ancara agendada para o final da semana.

A tensão crescente junto à fronteira entre a Síria e a Turquia, levou Ancara a reforçar a presença militar na região, num momento em que a NATO afirma ter um plano de ação para agir em caso de necessidade.