A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Ucrânia: acusações de fraude abalam contagem de votos

Ucrânia: acusações de fraude abalam contagem de votos
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A contagem dos votos das eleições ucranianas de domingo é abalada pelas acusações de manipulação eleitoral.

Dezenas de membros da oposição envolveram-se em confrontos com a polícia, na cidade de Pervomaisk, quando os agentes tentavam transportar os boletins de voto para a comissão eleitoral central.

A oposição acusa o Partido das Regiões, dado como vencedor, de fraude eleitoral, depois de vários partidos da oposição terem perdido o escrutínio em regiões onde eram dados como favoritos.

O dirigente da Aliança Democrática e antigo campeão mundial de boxe, Vitaly Klitschko, denunciou a situação, afirmando:

“Vamos fazer tudo para defender os resultados da eleição. Se as fraudes na contagem dos votos prosseguirem vamos fazer tudo para que os resultados sejam considerados nulos. A maioria das violações estão a ocorrer nas circunscrições maioritárias onde assistimos a uma verdadeira guerra”.

A oposição denuncia irregularidades na contagem dos votos em pelo menos 13 circunscrições. Os resultados preliminares colocam à frente o Partido das Regiões do atual presidente Viktor Yanukovitch, com uma vantagem de 5% face ao Batkivshchyna, a formação da antiga primeira-ministra Iulia Timoshenko.